Validação de Diploma na Costa Rica

Olá!

Estava um pouco inativa no Blog, mas foi por motivo de férias mesmo.

Mas, vamos retomar! Com ainda mais força. Toda sexta-feira, um novo post!

Quem acompanha o Blog desde o início já pôde ver que tenho formação em Psicologia no Brasil e desde quando cheguei na Costa Rica tive a intenção de validar meu diploma. Bem, posso dizer que meu processo de validação está concluído, somente falta a juramentação com o reitor da Universidade da Costa Rica para poder me sentir psicóloga por aqui oficialmente falando.

Vou compartilhar com vocês o meu processo de validação.

Antes de sair do Brasil, pesquisei sobre isso e encontrei os passos do processo neste site:

http://ore1.conare.ac.cr/ – Oficina de Registro e Equiparación de Grados y Títulos, que pertence ao CONARE (Consejo Nacional de Rectores).

Bem, ali nesse site, você encontra as informações detalhadas sobre os documentos requeridos e a ficha de solicitação que você deve baixar e preencher para levar. O processo pode ser iniciado ainda no país de origem, mas como iniciei o processo aqui já, não sei exatamente como funciona, pelo que li no site, você precisa de uma pessoa responsável em trazer os documentos por você porque estes são necessários em forma presencial.

Antes de sair do Brasil, eu enviei meu diploma e meu certificado de notas para adquirir um selo no Ministério das Relações Exteriores (toda capital no Brasil deve ter isso) e depois, enviei ao consulado da Costa Rica que estava mais próximo de mim, no caso foi em Florianópolis para também adquirir um selo. Este selo, foi pago aqui na Costa Rica no Ministério das Relações Exteriores daqui, foi 15 dólares cada autenticação. Também precisei buscar todas as ementas de todas as disciplinas que cursei durante a Universidade. Isso eu fiz indo diretamente na minha Universidade e solicitando. Também tive que fazer reconhecimento de firma destes documentos (diploma + certificado de notas) e cópia autenticada.

Chegando na Costa Rica, a primeira ação que tive foi buscar um tradutor juramentado oficial no país para fazer as traduções dos meus documentos. No caso, foi necessário do diploma e certificado de notas. As ementas e a cópia do meu trabalho de conclusão não foi necessário fazer a tradução. Antes de realizar a tradução, fui ao Ministério das Relações Exteriores aqui que fica na Casa Amarilla – http://www.rree.go.cr/ – , no centro de San José, para pegar os selos e autenticações que faltavam. Porque isso também precisa constar na tradução.

A lista de tradutores juramentados você encontra aqui: Tradutores Juramentados.

Após, estar com todos os documentos prontos, autenticados e traduzidos, você agenda um horário no CONARE, através do telefone ou pessoalmente. Quando seu horário chegar, você vai lá, com todos os documentos e vê se está tudo OK. No meu caso, tive alguns percalços e fui 3 vezes até tudo estar certo (estou contando a história como deveria ter sido, OK, num plano perfeito). Quando tudo está OK, você precisa pagar a taxa do trâmite que para estrangeiros custa 400 dólares – 208 mil colones. Somente quem possui residência definitiva que pode pagar o valor para nacionais que é metade disso. Eu, como tenho a residência temporária, paguei o valor integral. Após o pagamento, seus documentos são enviados a Universidade responsável pelo seu curso, no meu caso foi a UCR – Universidad de Costa Rica. Bom deixar claro que somente vai os documentos autenticados em cópia e você fica com todos os originais.

Esse processo de avaliação pode levar até 2 meses para ser realizado. No meu caso, foi exatamente isso que demorou, até um pouco menos. Quando foi terminando o prazo, comecei a telefonar para a UCR para verificar como estava o processo. O trâmite saiu no Diário Oficial daqui, chamado Gazeta Nacional e após isso, fui chamada para comparecer a UCR.

Ao comparecer, descobri que meu diploma havia sido aceito, no caso, não precisei realizar nenhuma disciplina extra ou realizar alguma prova, mas dependendo do caso, é possível que tenha que realizar. Agora, o único passo que falta é a juramentação que citei no início, que é realizada a cada dois meses e consegui agenda somente para outubro.

Entendo que possa existir diferenças em cada processo e em cada validação, mas com todas as direções que passei neste post, talvez possa ser mais fácil para você realizar o seu processo.

Desejo a todos sucesso e realizações.

Bruna Costa.

Entre em contato pelo e-mail vivercostarica@gmail.com

 

5 comentários Adicione o seu

  1. Oi Bruna, aqui no Uruguai a parte burocrática da reválida foi muito parecida com a sua. Mas os tempos foram beeem maiores, para meu desespero Muitíssimo boa sorte! Beijo grande

    Curtido por 1 pessoa

  2. Alessandra disse:

    Bruna, a tradução tem que ser em espanhol mesmo né?

    Curtido por 1 pessoa

  3. Alê disse:

    Bruna, tudo bem? Uma dúvida, esses selos que vc diz que buscou no MRE e no Consulado da Costa Rica são exatamente o que? Chegando lá com o Diploma eles sabem o que eu preciso?
    Obrigada

    Curtir

    1. OI Alê, desculpa a demora. Sim, você chegando na casa amarela eles te orientam bem. Você compra os selos na casa amarela mesmo e eles mesmo colocam no lugar correto.
      Boa sorte!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s